jusbrasil.com.br
4 de Abril de 2020
    Adicione tópicos

    Da necessidade da prova pericial na degravação de áudio e video judicial em interceptação telefônica ou mensagem telemática.

    pericia em casos de interceptação telefônica ou mensagem telemática.

    Ricardo Caires dos Santos, Bacharel em Direito
    há 2 anos


    A prova pericial de degravação de áudio consiste no exame da conversa captada através dos mais diversos meios eletrônicos de gravação de voz que tem por objetivo materializar de forma impressa e segura o que foi dito pelo interceptado/captado/gravado, cujo material se destina a auxiliar no processo judicial permitindo o conhecimento do quanto foi dito sem a necessidade de socorrer à escuta do áudio ou permitir a interpretação das falas por terceiros, portanto, sendo a transcrição literal da conversa ou monólogo no sentido exato da palavra conforme proferida, necessárias para apontar eventuais irregularidades nas interpretações dos dialogos obtidos e as consequências de seu aproveitamento no processo.

    Ricardo Caires dos Santos

    Perito Judicial

    Professor e Jurista na ciência do direito penal e processo penal


    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)